Carlos Pessoa Rosa

carlos_rosaCarlos Pessoa Rosa nasceu no Brasil em 6.9.1949

Médico e escritor.

Obras: A cor e a textura de uma folha de papel em branco, Contos, prêmio UBE/CEPE de ficção nacional, 1998, publicação pelo Centro de Editoração Pernambuco (CEPE).
Mortalis: um ensaio sobre a morte, prêmio ensaio, Editora Livro Aberto-Xerox.
Destinos de Vidro: Contos premiados, Editora meiotom, 1992.

Pelo Coletivo Dulcinéia Catadora: Não sei não… (histórias que o povo conta, mas do meu jeito de contar) e Sobre o nome dado, contos.

Novela híbrida “Vamos meu caranguejo vermelho das ilhas de Trobriand”, no livro Memória e Imagem da Universidade Federal de São Carlos – Organizadores: Josette Monzani e Luiz R. Monzani – Ed. Pedro & João Editores ([email protected])

No prelo, lançamento previsto para julho 2013, Uma casa bien abierta, infantil, Pequeño editor – Buenos Aires – Argentina.

Com textos publicados sobre ética no UOL, poesia no Instituto Piaget em Portugal, contos na Revista Polichinelo, contos e ensaios na Revista Olhar da Universidade Federal de São Carlos, ensaios e resenhas na Revista Ser Médico do Conselho de Medicina, Revista Linguagem Viva, textos no site Germina e Cronópios.

Prêmio mais recente – 2010:
Literatura para todos – Ministério Educação e Cultura Brasil – livro ‘Sabenças’ – Novela.

Editor do site www.meiotom.art.br e blog correspondente.

Mais:
https://www.facebook.com/carlospessoarosa
https://www.facebook.com/pages/MeioTom-Poesia-Prosa/107391409414867
 

 

 


 

Artigos:

 

Partilhar: