Gonçalo M. Tavares

goncalo_tavaresGonçalo M. Tavares nasceu em 1970.

Desde dezembro de 2001 publicou romances, poesia, ensaio e contos.

Recebeu o mais importante prémio do Brasil – Portugal Telecom 2007;
o Prémio José Saramago 2005 e o Prémio LER/Millennium BCP 2004 com o romance – “Jerusalém” (Caminho);
o Prémio Branquinho da Fonseca da Fundação Calouste Gulbenkian e do jornal Expresso, com o livro O Senhor Valéry (Caminho);
o Prémio Revelação de Poesia da Associação Portuguesa de Escritores com Investigações.Novalis (Difel);
e o Grande Prémio de Conto da Associação Portuguesa de Escritores “Camilo Castelo Branco” com água, cão, cavalo, cabeça (Caminho).

Os seus livros deram origem a peças de teatro, objectos de artes plásticas, vídeos de arte, ópera, etc., bem como a teses académicas em Portugal, Brasil e Itália.

“Aprender a rezar na Era da Técnica” é o seu último romance.

Vinte e um dos seus livros estão a ser editados em vinte países.
 

 

 


 

Artigos:

 

  • Linguagem e Matemática Setembro 8, 2008 - Contra-linguagem. Pensemos no simétrico nos números, como o número negativo –2 em relação ao número positivo +2. Em primeiro lugar, poderá parecer que há números negativos, mas nunca palavras negativas. […]

Partilhar: