CRÓNICAS DE PORCELANA | Soledade Martinho Costa

SINOPSE DO LIVRO «CRÓNICAS DE PORCELANA»  (Edições Sarrabal – Lunadil UNI LDA.)

«Há episódios que de tão inacreditáveis, nos causam espanto. Outros, quase tocam o limite do impossível. Outros, ainda, misturam o afecto e a ausência numa saudade infinita. Mas há, também, os que falam de ternura, de inocência, de amor, onde as crianças representam as protagonistas. São estes quatro géneros de leitura que fazem estas crónicas.»